Livro “O Golpe de 1964 e a Ditadura Militar em Perspectiva”

O Golpe de 1984

O livro “O Golpe de 1964 e a Ditadura Militar em Perspectiva” (2014) foi organizado por mim, juntamente com outros três colegas do Departamento de Ciências Humanas da FAAC – Faculdade de Arquitetura, Artes e Comunicação da UNESP, Campus de Bauru, professores Carlo José Napolitano, Célio José Losnak e Jefferson Oliveira Goulart.

Foi publicado pela Editora Unesp, selo Cultura Acadêmica, com o ISBN 978-85-7983-610-7 1.

Acesse o livro e faça o download gratuito no site da Cultura Acadêmica ou na minha área no Slideshare.

Sinopse

Os 50 anos do golpe de Estado de 1964 estimularam inúmeros eventos acadêmicos, fomentando revisões e novos campos historiográficos de pesquisa. Neste caso, o historiográfico não se limita à historiografia de oficio, mas à convergência de pesquisadores de diversas áreas que ajudam a adensar o conhecimento histórico. O livro que ora se apresenta, O Golpe de 1964 e a Ditadura Militar em perspectiva, é um dos exemplos desse encontro de diversas áreas do conhecimento para compreender eventos e processos históricos que estão entre os mais impactantes da vida republicana brasileira. Não seria exagerado dizer que o golpe e o regime que se seguiu foram divisores de água da história brasileira, alterando de maneira profunda estruturas, valores e instituições em vários campos da vida social.

Sumário

Prefácio – Marcos Napolitano

Política

Política, história e a questão da atualidade do golpe de 1964 – Cicero Araujo

Crônica de uma centralização anunciada: concentração de poder e dinâmica federativa sob a ditadura – Jefferson O. Goulart

Política de educação e política da universidade no pós-64 – José Misael Ferreira do Vale

Crise do regime político no pré-1964, golpe civil-militar e consolidação do regime ditatorial – Luiz Fernando da Silva

O poder sindical na ditadura e na transição política brasileira – Eduardo G. Noronha e Ivan Ervolino

A invenção da nação Brasil – Luiz G. Motta

Comunicação

Henfil Rindo da Ditadura – Fradim (1971/1980) – Marcos Silva

O jornal O Estado de S. Paulo e o regime autoritário nos editoriais do primeiro e décimo aniversários do golpe de 1964 – Maximiliano Martin Vicente

Parabéns pra vocês, pêsames para nós… Reflexões acerca de alguns ‘aniversários’ do golpe – Beatriz Kushner

Perspectivas do golpe de 1964 pela imprensa do interior paulista: o caso do Correio da Noroeste e Diário de Bauru – Célio J. Losnak e Marina de Mello Fontanelli

A batalha do Correio da Manhã e do movimento estudantil em 1968 contra a ditadura militar durante a Sexta-Feira Sangrenta e a Passeata dos Cem Mil – Maria Ribeiro do Valle

Censura à liberdade de expressão e propaganda política: estratégias para legitimação do regime militar – Carlo José Napolitano, Caroline Kraus Luvizotto e Lucilene dos Santos Gonzales

O discurso sobre a redemocratização no Brasil: a cobertura da Folha de S. Paulo sobre as Diretas Já – Érika de Moraes

Cultura

A literatura em choque – Marcelo Coelho

‘O maior barato!’: cinema e futebol feminino nos anos derradeiros da ditadura militar – Claudio Bertolli Filho e Ana Carolina Biscalquini Talamoni

Hegemonia e diversidade cultural antes e depois de 1964 – César Bolaño

A Copa da ambiguidade: algumas reflexões sobre o escrete brasileiro no mundial de futebol de 1970 e a ditadura militar – José Carlos Marques e Tatiana Zuardi Ushinohama

Algumas observações sobre a vida cotidiana no regime militar – Verônica Sales Pereira

A privação da Filosofia no ensino a partir da ditadura militar e as consequências para o pensamento reflexivo na escola – Maria Angélica Seabra Rodrigues Martins e José Antônio Leandro Filho

Sobre os autores

Cobertura completa da XVI Jornada Multidisciplinar – O Brasil e o Golpe de 1964: retrospectivas e perspectivas

A XVI Jornada Multidisciplinar – O Brasil e o Golpe de 1964: retrospectivas e perspectivas foi um sucesso!

Para os interessados, as mesas/palestras da noite foram gravadas e estão disponíveis no link: http://www.faacwebtv.com.br/ondemand/index.php?id=37
A cobertura fotográfica das mesas pode ser visualizada em https://www.facebook.com/jornaljr e os textos sobre os convidados divulgados antes do evento estão no link: http://www.jornaljr.com.br/category/coberturas/

Obrigada pelo apoio e participação de todos.

cartaz

XVI Jornada Multidisciplinar “O Brasil e o Golpe de 1964: retrospectivas e perspectivas”

A submissão de trabalhos pode ser feita até dia 05 de maio.

A XVI Jornada Multidisciplinar “O Brasil e o Golpe de 1964: retrospectivas e perspectivas” da FAAC – Faculdade de Arquitetura, Artes e Comunicação da UNESP/BAURU ocorrerá de 20 a 22 de maio de 2014. O evento vai discutir os tempos de ditadura militar como memória pelos 50 anos do golpe. 

Inscreva-se e submeta seu trabalho no endereço http://www.faac.unesp.br/jornada2014 

A pré-cobertura do evento pode ser acompanhada no site www.jornaljr.com.br. Acesse o site e conheça o perfil de nossos convidados.

 

PROGRAMAÇÃO

programa

 

CONTAMOS COM SUA PRESENÇA

cartaz